Lista de Notícias

/Incubadora da Coppe recebe 5 novas empresas

A Incubadora de Empresas da Coppe/UFRJ recebeu nos primeiros meses de 2014 cinco novas empresas nas áreas de petróleo, tecnologia da informação e informática. Com o advento das startups Biotecam, CUG, EasySubsea, Geonumérica e Koios, passa para 26 o número de empresas residentes atualmente na incubadora, localizada na Cidade Universitária.
 

Algumas dessas empresas são oriundas dos laboratórios da Coppe. Atuando na área de óleo e gás, a EasySubsea oferece serviços e produtos para monitoramento, controle e automação de poços de petróleo para o segmento subsea. No mesmo setor, a Geonumérica oferece ao mercado modelagem de bacias petrolíferas e simulação computacional que permitem o estudo das potencialidades para a exploração de petróleo e gás (convencional e não convencional) em diferentes regiões.
 

A Biotecam desenvolve e oferece soluções para o aumento da eficiência de sistemas de tratamento de efluentes para estações de tratamento de indústrias ou de sistemas públicos, e de unidades que buscam eliminar custos e passivos ambientais e transformar resíduos em retorno financeiro.

A CUG (Custo Unitário Geométrico) é voltada ao setor imobiliário e desenvolve modelos para estimativa dos custos finais para empreendimentos em fase preliminar de desenvolvimento. Já a Koios desenvolve e comercializa impressoras 3D, além da prestar serviços de impressão.

Empresas faturaram 236 milhões em 2013
 

As empresas residentes e graduadas da Incubadora da Coppe/UFRJ alcançaram um faturamento R$ 236 milhões em 2013. A Incubadora é o braço das startups do Parque Tecnológico da UFRJ e está completando 20 anos de atividade em 2014. Além do montante, juntas, as 71 empresas residentes e graduadas geraram, ainda, mais de 1.100 postos de trabalho e a presença de mestres e doutores é notável.

A Incubadora de Empresas da Coppe foi criada para incentivar o empreendedorismo e a transferência dos conhecimentos gerados em pesquisas acadêmicas para novos serviços e produtos tecnológicos. Sua atuação está focada principalmente nas áreas de petróleo e gás, energia, meio ambiente e tecnologia da informação. Esses setores são fortemente estimulados pelos laboratórios localizados no campus da UFRJ, além da proximidade com o Cenpes, o centro de pesquisas da Petrobras, e com as empresas instaladas no Parque Tecnológico da UFRJ. Por meio da conclusão do seu terceiro prédio em 2014, a Incubadora ampliará sua capacidade para até 30 empresas residentes com uma excelente infraestrutura empresarial.

  • Publicado em - 14/05/2014